segunda-feira, 16 de julho de 2012

Corrente

Oração ao Santo Expedito



Meu Santo Expedito das causas justas e urgentes, socorrei-me nesta hora de aflição e desespero,interceda por mim junto a nosso senhor Jesus Cristo. Vós que sois um Santo guerreiro, vós que sois o Santos dos aflitos, vós que sois o Santo dos desesperados, vós que sois o Santo das causas urgentes. Proteja-me, ajuda-me, dai-me força, coragem e serenidade. Atenda ao meu pedido com " FAÇA O PEDIDO" Ajuda-me a superar estas horas difíceis, proteja-me de todos que possam me prejudicar, Proteja-me a minha família, atenda ao meu pedido com urgência. Devolva-me a paz e a tranquilidade. Serei grato pelo resto de minha vida e levarei seu nome a todos que tem fé. Muito Obrigado.

Rezar 1 Pai-Nosso, 1 Ave Maria e fazer o sinal da cruz.


Com muito carinho repasso essa oração a todos aqueles que precisam da ajuda de Santo Expedito, nas horas mais difíceis de nossas vidas buscamos conforto e segurança onde menos esperamos. Não foi por acaso que Santo Expedito entrou em minha vida e não será por acaso que ele entrará na sua. Desejo- lhes fé e confiança, assim, alcançará as graças desejadas e necessárias!


Alex Konrado.

sábado, 14 de julho de 2012

Vivendo e Convivendo





   Andava meio distante de meu xodó, talvez por conta da correria do dia a dia ou por estar meio relaxado, sei lá, o fato é que estava sentindo falta, muita falta de escrever. Durante esta semana me aconteceu uma coisa que achei uma situação chata e desagradável, me emocionei ao presenciar aquele menino que andava de maneira perdida entre pessoas que seguiam suas vidas normais, se divertiam, conversavam, trabalhavam, de alguma coisa se ocupavam. Não desejava que o mundo parasse e se ajoelhasse aos seus pés, só queria que alguém notasse a solidão de uma pessoa que andava por ali meio que desnorteado, era visível que aquele garoto era portador de alguma deficiência, física pelo que pude perceber. Ele rodava, rodava e não se encontrava.
   Era como se naquele meio ele não se sentisse a vontade, tudo o incomodava, talvez achasse que ele mesmo era o incomodo, ele parecia sentir-se um estranho frequentando um lugar de pessoas "normais", não me conformava, me senti sufocado, coração apertado, me encontrava acompanhado de uma grande amiga, e pedia para que ali também pudesse aparecer um grande amigo para lhe fazer companhia, parecia ser a ultima coisa que aconteceria, não aguentamos, ensaiamos como seria a abordagem, ficamos meio constrangidos, mas, depois de muita vontade retida no peito tivemos a iniciativa.
   Foi frio o primeiro contato, mas apesar de todo o desconcerto daquele momento, nos sentiamos aliviados por estar ali conversando com ele, um ótimo ser humano, de humor extraordinário, meio tímido, uma boa pessoa. Aquela atitude salvou a minha noite, noite que para mim se tornou calorosa depois daquele instante. Deus como sempre tem um próposito pra tudo, não queria sair de casa naquele dia, mas não sei quais foram os motivos que me fizeram mudar de ideia, talvez seja pra me colocar no caminho daquele menino nem que seja por riquissímos e preciosos minutos, que trouxeram novas concepções para a minha cabeça do que é viver e conviver!